SITA – A vida e o tempo de Sita Valles

SITA – a vida e o tempo de Sita Valles, filme de Margarida Cardoso em Sessão Especial no INDIELISBOA, seguida de estreia nos cinemas

SITA - A vida e o tempo de Sita Valles
SITA – A vida e o tempo de Sita Valles

6 Maio 20h – Festival IndieLisboa / Cinema São Jorge
12 Maio – Cinema Ideal


SITA – a vida e o tempo de Sita Valles de Margarida Cardoso tem a sua primeira exibição pública em Sessão Especial no festival INDIELISBOA (6 de Maio, 20h00, São Jorge), sessão que será seguida de debate sobre a temática do filme.


A 12 de Maio o filme estreia nos cinemas, e nomeadamente no cinema Ideal, em Lisboa.


O documentário de Margarida Cardoso retrata a curta vida de Sita Valles, carismática dirigente estudantil, que morreu em Angola em 1977 em circunstâncias misteriosas, não tendo nunca o seu corpo sido encontrado, nem o do seu marido José Van-Dunem, e o do seu irmão Ademar Valles.


Uma produção Midas Filmes, com o apoio financeiro RTP – Rádio e Televisão de Portugal e do ICA – Instituto do Cinema e do Audiovisual (Apoio à Finalização)


Sita Valles viveu 26 anos. Nasceu em Angola em 1951 e ali morreu em circunstâncias misteriosas em 1977.
Estudou Medicina em Lisboa, e foi uma dirigente estudantil carismática e militante do PCP. No Verão de 1975 decide voltar a Angola, que considerava o seu país, ligando-se a um grupo de pessoas – mais tarde apelidados de fraccionistas – que questionavam a linha ideológica do MPLA.
Acusada de ser uma das cabecilhas da tentativa de golpe de estado de 27 Maio de 77, Sita é perseguida e presa.

Rumores indiciam que foi torturada e morreu frente a um pelotão de fuzilamento.
Nos dois anos que se seguiram mais de trinta mil pessoas tiveram o mesmo fim, ou passaram anos em cadeias e campos de concentração.

Testemunhos dos sobreviventes, guiam-nos na possível reconstituição da vida e do tempo de Sita Valles, vida que terminou num episódio traumático, de uma violência absurda, e há muito silenciado.

27 de Maio - 45 anos


Sugestões

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.