13 Teses em Minha Defesa – Nota Introdutória

As “13 Teses em Minha Defesa” - Nota Introdutória
As “13 Teses em Minha Defesa” – Nota Introdutória

Passados cerca de 26 anos do dia 27 de Maio de 1977, eis que nos chega às mãos uma cópia das tão procuradas 13 Teses em Minha Defesa, importante documento escrito por Nito Alves, com o intuito de se defender (atacando) das acusações que vinha sendo alvo.

Várias sessões com direito a maus tratos na cadeia de S. Paulo em Luanda, não serviram para nos dar a conhecer, de uma forma pormenorizada, o conteúdo das mesmas, contudo , e por que vivemos a mesma conturbada época política e também porque conhecemos bem como pensava, e como se expressava o autor, deixa-nos concluir que a presente cópia está conforme o original.

Não importa saber se há concordância com os pontos de vista políticos e ideológicos do autor, o que aliás à luz das resoluções do 3º Plenário de Comité Central realizado de 23 a 29 de Outubro de1976 em Luanda deverão ser os do MPLA, Nota mas sim perceber a trama em que foi (fomos) envolvido (envolvidos) pelos seus (nossos) “camaradas” de partido.

Resolvemos unicamente “passar a limpo” o exemplar que nos chegou, como forma de, nos dias de hoje ser mais fácil trabalhar sobre e com ele.

Esperamos que o mesmo venha a ser útil, a todos aqueles que se interessaram ou venham a interessar por este tema, e que o mesmo, quanto mais não seja, sirva de contributo à pesquisa e à procura da verdade.

Por nós esta luta continuará com a firme certeza da vitória.

Índice das “13 Teses em Minha Defesa”

Introdução: Isto também é a nossa HISTÓRIA!

1. Método Dialéctico e o Método Metafísico

2. Os Antecedentes Históricos – As diversas frentes de Luta Guerrilheira nunca se encontraram

3. O que é Ser Vanguarda

4. Unidade Nacional

5. O Anti–Sovietismo – Arma da Contra-Revolução A “Luva de Ferro” do Secretário Administrativo do Bureau Político

6. A CIA e a Revolução Angolana

7. Como iludir o Povo.

8. A importância do Estudo da Teoria.

9. A propósito da Opção Socialista.

10. Um Partido Leninista ou um Partido Social–Democrata–Maoísta?

11. Análise global do 3º Plenário do Comité Central – o verdadeiro significado dos Cinco Minutos que entraram na História do MPLA. As Teses em confronto.

12. Conclusão Final. Parte I e Parte II.

13. Exijo, no imediato Severa Justiça aos Verdadeiros Réus: O Verdadeiro Veredicto


27 de Maio - 26 anos

Respostas

  1. Rui diz:

    Eu acredito em DEUS, pelos homens não há justiça mas com ele nunca falha.

  2. Etu diz:

    Gostaria de obter as 13 tezes em minha defesa. de Nito Alves.alguem tem uma resposta, por favor.

  3. Etu diz:

    O dia 27 de Maio representa para todos nos, um dos dias mais sombrios da historia da nosso patria. foi apartir desta data de 27 de Maio que totalitario selenciou as vozes da liberdade, sofocou as aspiracao da justica social e, sobre tudo cobriu o pais inteiro de valas cmuns.os meus pesemes para todos os familiar dos desaparecido…NL

  4. Pedro Castro diz:

    No livro “Os verdes do mato não acabam” fala-se desta situação e como diz uma das personagens ( o livro trata de ficção e realidade)que foi vítima do 27 de Maio, “prometi a mim mesmo que se saísse vivo daqui teria de denunciar o que se fez para que não volte a ser possível”.

  5. Nguiambindilu diz:

    13 teses em minha defesa,e’ de facto um livro(se posso assim considerar)que pode muito bem ajudar a resolver essa polemica sobre o 27 de Maio.Tambem gostaria muito de ter a copia desse Livro.Alguem generoso que acha que a verdade deve ser compartilhada por favor envie pra este endereco electronico: (******)

  6. Don diz:

    Eu estudei filosofia marxista leninista , materialismo dialético e economia política…nos meus primeiros anos da faculdade…já tinha esquecido aquilo tudo, até que lí este extrato..meu deus, que ingénuo era o Nito Alves! lendo este extrato, volto no tempo e me revejo com 18-20 anos…meu deus, que ingénuo….dame pena, porque eu, agora com os anos que tenho, se um jovem me viesse com este discursso, mandava-lhe para casa, ou para umas longas férias…nisto tudo, só tenho a dizer o siguinte: ou todos estaväo assím lavados mentalmente como o Nito, ou entäo, cometeram uma certa injustiça contra este pobre aprendiz de filósofo…bom, a história é mesmo assím…a igreja também já mandou queimar muitos pensadores…eu só pesso aos promototres desta fundaçäo, que näo se esqueçam precisamente de um dos extratos do que está aí escrito:”Na natureza e na sociedade humana não há pois verdades ou mentiras: existem apenas coisas, factos, fenómenos e processos. As nossas representações e juízos a respeito deles é que podem ser verdadeiros ou falsos, certos ou erróneos. Neste sentido, a descoberta da verdade é um processo submetido a leis e critérios científicos”….como diz o ditado: es la pescaílla que se muerde la cola”…saudaçöes revolucionárias..e lamento muito, sinceramente, tudo o que aconteceu…que sirva de licçäo as novas e futuras geraçöes…

  7. Antonio Adão diz:

    Gostaria que me enviassem mais informacao sobre o 27 de maio, principalmente que me enviassem as 13 teses em minha defesa de nito alves.

    obrigado

  8. Pedro Sebastiao diz:

    Gostaria de obter as 13 tezes em minha defesa de Nito Alves

  9. Helder Aderito Mussundacassul diz:

    Gostaria de ter este inportante documento as 13 tese da minha de fesa e de saber mais acerca do autor deste inportante documento por favor mandar no meu endereço obrigado

  10. Edvaldo Pires diz:

    Gostaria de poder ler as 13 teses de defesa de Nito Alves,,,,sera que poderiam mandar no meu e-mail , iria agracer imenso???

  11. Hélder Cabral diz:

    É realmente fascinante ter algum contacto com a linha de pensamento de Nito Alves, sobretudo por se saber que o mesmo jamais esteve em alguma faculdade e jamais tenha estudado filosofia a um nível superior e sim por autodidactismo. Creio que o sr. Don, por aquilo que escreveu pouco ou nada sabe de filosofia e se acabou o curso limitou-se a decorar o que os professores diziam, aceitando tais ensinamentos como meros dogmas e não partindo para uma investigação que o tornasse num verdadeiro filósofo, mas sim num amorfo.

  12. Luis diz:

    I would like to know if you have some information about cuban troops in May 27.

    What did they do against Alves?

  13. Luter diz:

    Embora o texto permita que se compreenda a revolta de Nito e a injustiça a que foi sujeito…Achei-o muito pesado, um texto com execessivas referencias filosóficas. Nito podia muito bem ser mais conciso e directo no discurso. Enfim, que a justiça seja conseguida

  14. Anónimo diz:

    Quero saber quem foi Onanbwe no 27 de Maio.

    Qual foi o papel das tropas cubanas no fraccionismo. Porque isso e historia para a nossa geracao de agora e de amanha.

  15. Zola diz:

    Gostaria que me fornecessem as 13 teses em minha defesa de Nito Alves. Meu e-mail (****@****)

  16. fuladiangongo diz:

    Nao estou, bem a pare das trezes tesesde nito alves,mais estou muito interessado,em te-las e poder analisa-las.por isso,agradeco bastante,que me fornecam as mesmas,via meu email (****@****)

  17. Fula diz:

    Agradecia que me fornecessem,caso seja possivel,as trezes teses escritapor nito alves,em sua defesa.a minha idade nao me permitiu acompanhar os acontecimentos do 27 de maio de 1977,por estou desiformado sobre o assunto.

    convicto que receberei de vossa parte a devida ajuda,termino agradecendo-vos pela mesma,e insentivando-vos para continuar a lutar por esta causa,sempre no espirito de maio.

  18. Paulo Correia diz:

    Sou muito jovem tenho os meus 24 anos gostaria imenso de ler estas 13 teses de NL agredeciria se mandesem a copia para o meu email afinal e o meu pais gostaria de saber mas acerca disto vendo em conta q o meu pai ja e falecido e o meu avo tambem foi morte neste dia 27 de maio gostaria de saber mas a cerca disto agredeciria imenso (****@****)

  19. Paulo Mateus diz:

    Esta é mais uma das nossas Histórias conteporânea, que nao se exclareceu até ao dia do nosso tempo e merece sem Excrupulos todas as formas de debate e exclarecimeto total, no senso pacífico e ponderado com esperírito de DIGNIDADE INALIENÁVEL DO HOMEM (Ser Humano)como IMAGEM VIVA DE DEUS servindo assim, O Homem, a Harmonia no seio do seu Ambiente cotidiano, que precisa no seu dia-dia para com seu PRÓXIMO. Só assim poderao unir-se todas as nossas famílias angolana, em geral e as das vítimas particularmente, no sentido de solidariedade comum e mútua pela luta sócio-cultural, que já viemos a travar à mais 530, iniciada intrísicamente com maior firmeza pelos nossos Antepassados, orientado pelo mais Alto Supremo Espírito do nosso Povo para consolidar a nossa Pátria Soberana, onde nós podemos viver, como antes dos 530 já foi possível, com caesao de irmandade, liberdade, direito para todos, sem influciência de intimidade seja por qualquer forca do Estado, porque o Estado é Povo.

    Sem mais, saudacoes solidárias e amigáveis.

  20. WW diz:

    Quisiera saber que pasa porque no responden nuestras preguntas.

  21. Leonidio diz:

    Eu acho que esta parte das teses aqui apresentados é, antes de tudo, muito complexa, por um lado. Por outro, não põe em relevo os pontos fulcrais da acusação. Inalcetecem a doutrina marxista, mas não tentam, nem um pouco, se em situação em que se encontrava era possível demonstrar convincentemente as o contrário das acusações.

  22. Nelson diz:

    Quero muito saber quais os reais motivos para o genocidios desses grandes pensantes de angola, acredito eu se tais estivessem todos vivos talvez a coisa seria muito melhor, pois hoje o mpla tem mais fanaticos do que homens competentes, estâo lá por uma questâo de fanatismo e, nâo por conhecimentro ou formaçâo reconhecida. Alguns até estão pelo facto de serem delatores e puxa sacos do MPLA.

  23. Paula diz:

    Cada um de nós é livre de ter a sua opinião sobre o 27 de Maio e as suas teses. Mas quero pedir um especial favor a todos que interveem para não ofenderem os que já morreram. Estão mortos e sendo assim não podem defender-se. Enquanto seres humanos que somos, estamos sujeitos a errar, ninguem esta livre disto. Por outro lado ninguem nasceu sabio. Vamos dar o nosso contributo sem magoar sensibilidades. Que Deus nos Protege.

  24. Divonda Ngemba Nkiayindu diz:

    Na verdade, como tantos outros angolanos, acredita-se que Nito foi vítima do regime da altura. Os angolanos ja se têm apercebido do quanto os patriotas foram sempre silenciados e a verdade escamuteada. As 13 teses em minha defesa, seria um contributo valioso para esclarecer factos sombrios que envolveram a ascensão de Angola a independência e soberania. 27 de Maio nao foi o único, é mais um acto criminoso contra os angolanos. Divulgar as 13 Teses de Nito Alves, mesmo em partes (cópias) seria o mais sensato, porque muitos gostariam de as ter e alguém, possivelmente, ainda as tem. Tornem-as, mais uma vez, públicas para esclarecer factos que ainda acontecem.

  25. Kimuanga Bumba diz:

    Por favor, estou com pouca informação no que toca ao 27 de maio de 1977, gostaria de obter mais artigos sobre este assunto, sem por favor deixarem de me enviar, ao meu e-mail, ou endereço electronico, as 13 teses. Quem de boa fé o poder fazer, eu irei agradecer e mto!..

  26. Morais diz:

    gostaria que alguen me enviasse este documento para o meu correio , os meus agradecimentos

  27. Fernando Sabonete diz:

    Gostaria de ter as treze teses de Nito alves,Gostaria de ter as treze teses de Nito Alves, pois penso que podemos analisar-las e tirarmos as nossas conclussões, há um proverbio antigo que disse que ninguém pode tapar o ceus com a mão, se é verdade a historia nos dirá e se falso também veremos, mas o odio deve estar longe da gente para melhorar no desenvolvimento humano, angola é tão grande que todos angolanos devem ter espaço sufiente para nós. Fernando

  28. Paulo diz:

    Por favor disponibilizem on line as “13 T.N.A”, que na minha opinião são documentos de inegualavél validade! Ja li uma vez quando foi publicada num dos semanários privados de Angola. Se for possivel enviem-me por e-mail: (****@****)
    As 13 T.N.A precisam ser divulgadas

  29. jorge mamukueno diz:

    gostaria de obter as treses teses da minha defesa

  30. Ary diz:

    Por favor quem obter uma copia das “13 Teses em Minha Defesa”, gostaria de aprofundar o conhecimento da verdadeiras historias do nosso pais. Sao infomacoes sobre o nosso pais que a nossa geracao nao pode nem deve olvidar. Nao esperemos que o governo nos eduque sobre tudo principalmente sobre topicos delicados como estes, cabe a nos como amantes da nossa terra nos educarmos a nos proprios sobre a historia do nosso pais e sobre os partidos primitivos.

    A quem tiver uma copia por favor envie-me por email: (****@****)

  31. Joca Mangope diz:

    Obrigado aos fundadores e proprietarios deste site por nos proporcionarem a oportunidade de aprofundar os nossos conhecimentos acerca desta infelizmente historica data. Agora so me pergunto e pergunto tambem a eles o seguinte: O QUE VOS PROIBE DE PUBLICAREM AQUI AS 13 TESES EM MINHA DEFESA DE NITO ALVES? Se nao me engano, a uns anos atras ja vi as mesmas publicadas aqui no site. Porque retiraram e nao publicam isso, ja que como e sabido, isso e materia de grande interesse para todos nos? Vamos la irmaos, tirem-nos dessa miseria e publiquem essa materia. Compreendo que isso e material “copyrighted”, por isso arranjem uma forma de podermos pagar para lermos isso. Cobrem com carato de credito ou deposito bancario. Arranjem uma forma de pagamento qualquer, mas por favor publiquem isso logo que seja possivel. E materia de historia que nos interessa muito irmaos!

  32. Antonio diz:

    quero antes pedir a quem e de direito para esclarecer estas teses do NL porque situacoes de genero continuao acontecer neste belo pais o que eu qureo dizerque nao so e 27 de maio como as de mas ate aos nossos dias verdades sao verdades se queremos construir um pais devemos optar por verdades entao porque que o trema nao e objecto de estudo em angola porque nos a juventude queremos saber do assuntos do passado porque tudo isso faz o presente seremos os mesmos do passado caso nao se esclareca as coisa para conseguirmos descernir a verdades de tudo isso

  33. Kanda Kassobo diz:

    Força. Queria uma copia das 13 teses em minha defesa de Nito Alves. Agradecia….

  34. LIVRARIA SIMOES diz:

    Exmos Senhores

    É favor informar se têm o livro.

    AS 13 TESES EM MINHA DEFESA, Por Nito Alves.

    Como Livreiro tenho um pedido.

    É favor dar brevidade na informação, pois é para isso que existe a INTERNET.

    AGUARDO

    CUMPRIMENTOS

  35. NIGOLA MATURELLI diz:

    Sou documentarista brasileiro e pretendo fazer um filme de média metragem sobre esse assunto. Para começar na minha imensa e intensa pesquisa, pediria a colaboração de todas as pessoas que pudessem trocar idéias comigo. Destarte, sobre as treze teses, alguém poderia fazer a gentileza de mas enviar. Familiares, pesquisadores, pessoas que estejam morando no Rio de Janeiro, se quiserem participar desse projeto, favor entrar em contato comigo para que possamos agendar futuras gravações de Vídeo. O meu email é (****@****) Muito obrigado. Eu sou o cineasta NIGOLA MATURELLI.

  36. catete diz:

    Henrique de Carvalho Santos, also known as Onambwe, served as the Minister of Industry of Angola.[1]

    Santos studied at the University of Heidelberg in Germany. MPLA members elected him to the MPLA Central Committee during the Inter-Regional Conference of September 1974 and to the political bureau in December 1977. He served in the DISA before becoming the Minister of Industry.[1]

  37. catete diz:

    disa is separtment of information secret agency created by MPLA where onambwe and ludy kissassunda where the top guys. disa alone killed estimated 82000 people and the majority where educated people.

  38. Dima José diz:

    é triste saber que depois de uma longa luta dos 14 anos, não houve consenço entre vencedores; mas sim a ganancia de governar os fracos para o proprio beneficio, esquecendo a causa que os levou a libertare-se da escrvatura.

  39. NIGOLA MATURELLI diz:

    Pelo amor de Deus, alguém pode me fornecer, gentilmente, essas 13 teses N. A. Agradeço imensamente.

  40. soldado10Konhecido diz:

    Ki nao me venham ca dizer ki xta tudo bem, pois estas paginas rasgadas da historias de angola, precisam de ser trancritas, lembre-se de ki historia e kuase sempre escrita por kem vence a guerra, mas kem vence uma batalha deve sempre, entada-se sempre e nao kuase sempre, escrever a verdadeira historia, para que os fantasmas do passado nao “reencarnem” e cobrem preco avultados por um drama quase sem fundamento.

    Antes ki os herois sejam vingados e necessario uma verdadeira reflexao, persistencia no debate para nao guerrear.
    As vezes pergunto a mim mesmo, o porke de tantas atrocidades, juro por tudo ki e mais sagrado nao consigo obter respostas certas ou koncretas…Acabo por reconhecer ki os viciados no no poder sao kapazes de kualker koisa…Ate tirar a vida de kem luta pela sua propria LIBERDADE… KI MORRAMOS TODOS PRESOS nos castelos,nas favelas ou nas Celas sem numero, com ja disse Guilhotina Verbal…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.