Categoria Artigos

O Guerrilheiro 0

O Guerrilheiro

Tópicos Parte I | Parte II | Parte III | Parte IV Parte I Nos anos sessenta, muitos jovens tinham, nos seus quartos, pendurado numa parede, um retrato de duas cores (vermelho e negro)...

Mais um ano 1

Mais um Ano

É comum em qualquer texto que aluda a determinada data, iniciá-lo com a evocação da passagem de mais um ano. Então, e porque de tal molde “mais um” sempre acaba por traduzir soma de...

Carta aberta a Pepetela 1

Carta aberta a Pepetela

Caro Pepetela, A declaração que V. publicou o mês passado a justificar o seu papel na tragédia do 27 de Maio de 1977 é um documento tão cheio de omissões em relação aos factos...

A paciência de Pepetela II 3

A Paciência de Pepetela II

A “experiência de Pepetela” na “selecção de documentos importantes” há muito que tinha sido aguçada. Senão leia-se, o artigo “A Víbora da Cabeça ao Contrário (VCC).” que se reproduz aqui, e que foi escrito...

Envolvimento na repressão de 77 3

Envolvimento na repressão de 77

Pepetela confessa-se sem admitir rigorosamente nada Não sei bem porquê, mas sempre tive nas minhas previsões meteorológicas sobre a evolução do clima político angolano, que Artur Pestana, vulgo Pepetela, seria o primeiro a “confessar-se”, na...

A Paciência de Pepetela 5

A Paciência de Pepetela

Quando ontem ao fim da tarde, abri um mail proveniente de Angola que recebera de um amigo também sobrevivente, lendo de um fôlego o anexo que este me enviara, por momentos pensei que finalmente...

Agostinho Neto, uma vida sem tréguas 0

Agostinho Neto, uma vida sem tréguas

O branqueamento em marcha! Foi na passada semana, lançado em Lisboa, segundo autores e promotores, a primeira extensa e participada biografia de Agostinho Neto. Lendo o manifesto lá se estampa o branqueamento, das responsabilidades do...

Pela passagem dos 28 anos do 27 de Maio 1

Pela passagem dos 28 anos do 27 de Maio

E assim se fez o almoço de confraternização no São João 1 Pouco mais de trinta pessoas compareceram ao “local do crime”.Foi de facto e de jure muito pouca gente para as dezenas de...

Pela primeira vez na história do após 27 de Maio de 1977 0

Pela primeira vez na história do após 27 de Maio de 1977

Em Luanda antigos “inquilinos” das celas da DISA preparam almoço de confraternização. Para já ainda nada está garantido quanto ao sucesso desta iniciativa histórica que é a de tentar reunir no próximo sábado, dia...

Socialismo ou neocolonialismo 0

Socialismo ou neocolonialismo

As lutas de emancipação dos povos africanos e a actualidade do legado de Amílcar Cabral Tópicos Quando a tua palhota arde… “A luta é sempre uma luta armada” A revolução não se exporta A...

O Dia da nossa Vergonha 0

27 de Maio ” O Dia da nossa Vergonha “

A Associação 27 de Maio emergiu. Alguns relacionados com o poder político angolano, mantêm a mesma tónica discursiva sempre que é aflorado o tema 27 de Maio. Uns porque ancestral e continuamente unidos, outros...